Contactos

Tião letreiros

  • Pessoa de contato: Sebastião Cipriano Fernandes
  • Telefone: +55 (61) 3084-31-42, Comercial
  • +55 (61) 99235-57-48, whatsapp claro
  • MSN: tiao-letreiros@hotmail.com
  • Skype: tiaoletreiros
  • Endereço postal: Sq.15 Qd.04 Lt.17 Lj.01 Centro, Cidade Ocidental, Goiás, 72880-560, Brasil

Horário de funcionamento

Renovações do site

Perguntas frequentes

Porque ao pintar faixa de tecido,a tinta escorre?

Isso ocorre em função da tinta está muito rala (diluída).
A tinta tem que está no ponto,nem grossa e nem rala.


Quantos metros quadrados rende a tinta PVA.comum?

CÁLCULO DA QUANTIDADE DE TINTA.

Primeiramente é necessário calcular a medida da superfície a ser pintada. Os profissionais mais experientes chegam a calcular “a olho”. Os vendedores técnicos calculam para você se levar as medidas das paredes, janelas e quantidade de portas – lembre-se de medir também a altura.

Soma-se a medida das paredes e multiplica-se pela altura para obter a metragem quadrada. Por exemplo, uma sala de 7 x 4 metros, com 2,60 metros de altura – soma-se as medidas das paredes: 7+4+7+4=22 metros lineares. Agora multiplica-se a medida encontrada pela altura 22 x 2,60 = 57,20 metros quadrados a serem pintados.

O rendimento das tintas prediais normalmente gira em torno de 40 m²/demão/galão, ou seja, um galão de 3,6 litros pinta, com uma demão, 40 metros quadrados de parede, ou seja, 20 m² de parede com duas demãos. Sendo assim, no exemplo acima utiliza-se 3 galões de 3,6 litros para duas demãos. Logo, os rendimentos por demão ficam assim:

Litro 0,9L – 10m²;

Galão 3,6 L – 40m²;

Lata 18 L – 200m².

Superfícies mais porosas ou com textura costumam baixar o rendimento cerca de 20%.

Para pintar grades calcula-se como se fosse pintar um muro de um só lado, por exemplo, uma grade com 10 metros de comprimento por 2 de altura – 10m x 2m = 20m², um galão de 3,6L para pintura com 2 demãos.

Quando as janelas têm venezianas, calcula-se a medida da janela e multiplica-se por 3, por exemplo, uma porta-janela com 1,5 metros de largura por 2 metros de altura – 1,5m x 2m x 3 = 9m², dois “litros” de 0,9L para duas demãos de tinta.


Qual rendimento de massa corrida PVA.?

O rendimento da massa PVA.corrida é de cada lata de 18 litros
uma média de 25 a 45 metros quadrados.
dependendo do tipo de acabamento e do estado do substrato.
Secagem: Ao toque uma hora e total de 04 horas..


Qual o rendimento da textura?

O rendimento da textura é de 09 á 11 metros quadrados por lata de 18 Kg. Dependendo do tipo de acabamento e do estado do substrato.
Secagem: Ao toque de 04 horas e final de 24 horas.


Qual o rendimento de Grafiato?

O rendimento do grafiato;é de 7 a 8 metros quadrados por lata de
18 Kg. dependendo do tipo de acabamento e do estado do substrato.
Secagem: Ao toque de uma hora e final de 24 horas.


Pintura de portões,qual o consumo de tinta?

Na pintura de portão liso,tamanho 2m por 3m dos does lados com duas demãos de tinta esmalte sintético.O rendimento é: Um galão
de 3;600,que é igual a 12 metros quadrados.
Obs; uma lata de 900 ml pinta apenas 3 metros quadrados,com
pistola ou rolo de expuma.Sempre diluído com água ráz


Vai pintar? Veja como começar...

A Pintura.

Primeiro pinte a casa externamente para bloquear a umidade proveniente da chuva para depois pintar internamente.

Quando as aberturas não vierem com embalagem de instalação, procure dar a primeira demão ou o fundo antes da instalação, pois protegem a madeira de poeira e manchas, lembre-se de limpar a superfície antes de prosseguir com a pintura.

Observe as superfícies que precisam ser forradas ou isoladas antes da pintura, desde o piso até janelas, pisos, portas etc.

Em caso de respingos, limpe imediatamente a superfície utilizando uma esponja ou pano umedecido com o próprio diluente do produto.

Entre uma demão e outra existe um tempo mínimo que deve ser respeitado, normalmente está descrito na embalagem da tinta, caso não seja respeitado, poderão ocorrer em vários problemas, principalmente de cobertura.

As superfícies devem estar secas e limpas, livres de partículas soltas ou graxa. O pó de lixamento deve ser removido com um pano úmido. As superfícies de metal normalmente vêm com graxa de proteção, ela deve ser removida com thinner antes de qualquer pintura.

Cada tipo de tinta tem um tempo de secagem, normalmente varia de uma a doze horas. É importante saber que ela adquire a máxima resistência em cerca de duas semanas, chama-se a cura total da tinta.

A cura total do cimento é de 28 dias, somente após esse período a tinta pode ser aplicada sobre ele. Caso essa cura não seja respeitada, pode ocorrer descascamento ou eflorescência.

Na repintura, antes de aplicar qualquer tinta sobre outra com brilho, deve-se lixar para deixá-la fosca a fim de promover maior aderência.

Para aplicar Adesivos de Parede após uma pintura, o ideal é aguardar a cura total da tinta – cerca de duas semanas, pois a tinta pode sair com o filme plástico do adesivo.

Mesmo as pessoas que não são alérgicas devem usar máscaras de proteção indicadas para cada tipo de tinta. Recomenda-se também o uso de luvas e óculos de proteção.


Dicas sobre texturas.

DICAS SOBRE TEXTURAS.

Os efeitos de textura são obtidos com a aplicação de massas especiais para textura, nunca deve-se fazer textura com massa corrida, pois ela racha e fica extremamente frágil e quebradiça.

Existem vários tipos de massa para textura, dividem-se basicamente em dois grupos, o da textura acrílica, que não possui qualquer tipo de grão, e o das texturas com grão.

A textura acrílica é uma massa que normalmente é utilizada para fazer aquele “crespinho” tradicional de muros e paredes externas. Com esta textura podem ser obtidos os mais diversos efeitos de texturas artísticas, aplicando-a com espátula dentada ou lisa, rolos diversos, vassoura, pente, escova etc.

As texturas com grãos são divididas basicamente em três tipos de efeito:

  1. Textura Riscada ou Grafiato – é bastante utilizada, normalmente aplicada na vertical, também pode ser aplicada circular, em dois sentidos ou na horizontal. O tamanho dos sulcos depende do tamanho dos grãos de quartzo (ou outro mineral) que vêm na textura.

  2. Textura de efeito Travertino – Projetada – aplica-se com uma pistola especial e depois é passada uma desempenadeira sobre ela, fica um efeito único formando ilhas na textura. Existe um tipo da Renner que pode ser aplicada com rolo ao invés da pistola que dá efeito bem semelhante.

  3. Textura de efeito lamato – bem discreta, parece um reboco extremamente uniforme. Parecida com o efeito de granilha ou fulgê, mas com grãos menores. É muito pouco utilizada.


O gel envelhecedor serve para dar aquele efeito "manchado" envelhecido. É só escolher uma cor que é feita no gel. Este pode ser aplicado com rolo ou pincel e quando secar vai ficar manchado. Para salientar o efeito retira-se o excesso do gel com um pano, dando maior contraste depois de seco.


Como fazer a textura riscada ou grafiato.

COMO FAZER A TEXTURA RISCADA OU GRAFIATO

É mais fácil do que parece aplicar textura de efeito riscado, pois é feita com uma massa especial de textura que possui grãos de quartzo ou outro mineral. Conforme o tamanho dos grãos utilizados na fabricação da massa ela fica com sulcos mais largos ou mais estreitos.

Pode ser aplicada branca ou pigmentada na cor escolhida. Para o acabamento ficar melhor, recomendamos utilizar a textura branca e depois pintar com tinta na cor desejada.

Para aplicá-la na parede é só seguir os passos abaixo:

  1. Mexer bem a massa para uniformizá-la;

  2. Com uma desempenadeira de metal, aplicar na parede a camada mais fina possível – ela é limitada pela altura das “pedrinhas”. Aplica-se em toda a parede, pois a emenda sempre vai aparecer;

  3. Em seguida, utiliza-se uma desempenadeira plástica especial que “trava” as pedrinhas e as arrasta fazendo o efeito riscado, que pode ser vertical, circular, em dois sentidos etc. Quanto mais vezes arrastar a desempenadeira, mais riscado vai ficar. Um balde com água e um pano ajudam a limpar a desempenadeira quando necessário. Segredinho: quando a textura é aplicada fica bem molhada, assim que começa a secar fica bem mais fácil de "riscar" – isso leva de 15 a 30 minutos normalmente.

  4. Após a secagem completa, que normalmente é de 12 a 36 horas, aplica-se a tinta ou o gel envelhecedor.


Lembre-se de isolar a área na volta com fita crepe e proteger o chão antes de começar a aplicação.


Você sabia?

VOCÊ SABIA?

A pintura nova traz limpeza ao ambiente, pois desinfeta as paredes. Claro que em casos extremos é necessário uma limpeza antes da pintura.

O limo é uma planta da família das algas e o que acaba com ele é o cloro contido na água sanitária.

O mofo é composto de cogumelos de dimensões microscópicas e o que extermina com ele também é o cloro.

As cores primárias das tintas são azul, vermelho e amarelo, mas os tons exatos são ciano (azul), magenta (vermelho) e amarelo. A partir delas pode ser feita qualquer cor.

As cores primárias da luz são diferentes das cores primárias das tintas, para misturar luzes e fazer qualquer cor utiliza-se azul, vermelho e verde – este no lugar do amarelo, misturando-se as três obtém-se a luz branca. Veja no youtube http://www.youtube.com/watch?v=0DaXxKzQHP0.

Misturando-se as três tintas primárias obtém-se… …marrom.

Uma tinta de boa qualidade é como um perfume de qualidade, fixa melhor a cor e segura mais tempo na parede.

PVA vem do inglês Poly Vinil Acetate, em português Acetato de Polivinila. Já pensou em pedir na loja uma tinta Acetato de Polivinila?

Um papel de parede de boa qualidade pode durar mais de 20 anos.

Os fabricantes de papel de parede patrocinam novelas. Já notou a quantos papéis de parede aparecem nos cenários?


Composição da tinta.

COMPOSIÇÃO DA TINTA
Basicamente são dois elementos: pigmento (corante) e a resina que serve como base aglutinante – fixador do pigmento. Normalmente, as tintas prediais são compostas por cinco elementos:

  • resina: formadora do filme da tinta depois de seca, é o que dá as características principais da tinta e determina o tipo. Ela é a "cola" que dá fixação da cor e, dependendo do tipo, é responsável pelo poder impermeabilizante da tinta. Existem vários tipos de resina: acrílica, PVA, poliuretano, epóxi, alquídica, e outras.

  • pigmento: dá cor e aumenta a cobertura da tinta. A tinta branca também tem um pigmento – o branco – que normalmente é o óxido de titânio.

  • solvente: é o que dilui e torna a tinta mais fluida – dependendo da tinta pode ser água, aguarrás, thinner etc.

  • carga: este é o elemento inerte da tinta, o carbonato de cálcio é o mais comum.


-aditivos: a maior parte deles são grandes segredos das fábricas, dentre eles, temos anti-mofo, fungicida, bactericida, silicone, teflon etc.

A maior parte das tintas é monocomponente – composta de um componente que é simplesmente homogeneizado e aplicado, secando somente por evaporação. Existem tintas que são bicomponente, ou seja, têm dois componentes que precisam ser misturados na proporção certa para a tinta secar, normalmente elas secam por endurecimento e evaporação – assim como o Durepóxi, Araldite e Poxipol.


Conheça uma breve história da tinta.

UMA BREVE HISTÓRIA DA TINTA.
A origem das tintas está na pré-história, quando pintavam figuras coloridas nas paredes das cavernas com tintas grosseiras, que eram provavelmente constituídas por florais ou argilas suspensas em água. Os egípcios desenvolveram a arte de pintar por volta de 1500 a.C., tinham grande variedade de cores. Em 1000 a.C., inventaram os antecessores dos vernizes, feitos resinas naturais ou cera de abelha como o ingrediente formador de película.

Por volta do ano 1000 d.C. os chineses já dominavam a técnica da fabricação de tintas com negro de fumo misturado a cola e água ou óleo de linhaça.

A qualidade das tintas foi melhorada com a adição de substâncias vegetais, minerais e pastas bases. As cores evoluíram a partir da descoberta dos pigmentos derivados do alcatrão de hulha.

Os óleos sintéticos substituíram com louvor o antigo óleo de linhaça, o que acelerou muito a secagem das tintas. A estabilidade das tintas foi melhorada com a introdução de resinas à receita original.

A resina acrílica somente começou a ser utilizada no início do século XX.

Hoje em dia existem inúmeros tipos de resina e tipos de tinta para os mais diversos fins. Até mesmo tinta que seca embaixo d´água!

O Brasil é um dos cinco maiores mercados mundiais de tintas.


Conheça o link de sua tinta.

principal loja virtual produtos a empresa localização mapa do site extras contato

Links

Descubra a sua cor ideal com o
Jogo dos Sentidos das Cores
The Voice of Colors – PPG Tintas Renner
-também disponível para Android, IPhone e IPad.

Tendências de Cores 2012/2013

Site da Tintas Renner
www.tintasrenner-deco.com.br

Blog da Tintas Renner
http://tintasrenner.wordpress.com

Sayerlack
www.sayerlack.com.br

Pincéis Condor
http://www.condor.ind.br/

Canal do tempo – útil para verificar a temperatura e a umidade relativa do ar antes de pintar.

Crack, nem pensar – campanha da RBS TV
www.cracknempensar.com.br

Amplie seus conhecimentos com os nossos Extras – clique aqui

DICAS CURSOS LINKS COMPOSIÇÃO DA TINTA HISTÓRIA DA TINTA

principal loja virtual produtos distribuidora localização mapa do site extras contato
descubra sua cor entrega síndicos
dicas

cursos

links

Tintas Shop – dentro do .
Com estacionamento e segurança até às 8 da noite.
Av. Bento Gonçalves, 1414 Loja 1 – Porto Alegre – RS
Fone: (51) 3332.3333


Como aprendemos a profissão de pintor?

Como aprendemos a profissão de pintor?

Podemos aprender a profissão de pintor nos seguintes locais:
Serviço nacional de aprendizagem industrial: SENAI
Lojas de material de construção ou grandes lojas de tintas.
Direto com fabricantes de tintas.
No programa pintor profissional: ABRAFATI.
Trabalhando como auxiliar de pintor de parede até aprender a profissão.
E outros locais.

Pintor envernizando
Qual é o salário do pintor de paredes?
O salário do pintor é de R$ 1.179,20, porém; boa parte dos pintores trabalham como autônomos e pagam INSS.
Pintores que trabalham assalariados são funcionários de Construtoras, prefeituras e outras empresas.

Sala pintada


A teoria da cor 1/2,como entendê-las?

Olá,conheça melhor a teoria das cores,veja este vídeo informativo:


Que produtos e técnicas devo utilizar para pintar azulejo?

Os produtos da linha Epóxi Suvinil foram especialmente desenvolvidos para pintura de azulejos, e também podem ser utilizados em outras superfícies como reboco e concreto. Quando aplicados corretamente, possuem ótimo poder selante e grande poder de enchimento.


Que tipo de rolo devo usar para pintar?

Os rolos são ideais para áreas grandes como paredes ou tetos.

Existem vários tipos de rolos para pintura, e a escolha apropriada depende do tipo de tinta que você planeja usar:

  • Rolo de lã pêlo baixo (sintética ou de carneiro) – indicado para tintas PVA E ACRÍLICA.

  • Rolo de espuma – indicado para esmaltes, tinta óleo e vernizes.

  • Rolo de espuma rígida ou borracha – indicado para dar efeito em textura.


Existe uma ordem para pintar um ambiente?

Pintar um ambiente na ordem correta economizará tempo e dinheiro. Comece pelo teto (1), paredes (2), portas (3), janelas (4) e finalmente, pinte o rodapé (5). Se o acabamento final for feito com papel de parede, toda a pintura deve ser terminada primeiro.


O que faço com a tinta que sobra?

Se deseja guardar a tinta que sobrou, guarde-a em um lugar coberto, sempre na posição vertical e sem movimentação.

Tintas que ficam guardadas por muito tempo podem formar uma película resultante da ação do ar. Para evitar isso, tampe bem a lata.

Se não deseja guardar a tinta, doe-as a amigos ou vizinhos ou a instituições de caridade. Nunca a despeje pelo ralo ou em outros cursos de água.

Devemos fechar a lata de maneira que não exista a possibilidade da entrada de ar.

O local não deve ter umidade ou calor excessivo.

Em caso de esmalte, tinta óleo e vernizes recomendamos colocar sobre a superfície um pouco de Coralraz, isso irá ajudar impedindo o contato direto com o ar da embalagem.


Teoria da cor.

A cor pode transformar, animar e modificar um ambiente. Todos nós reagimos à cor, e atualmente, é possível levá-la a todas as áreas da vida pelo uso de materias, tecidos e tintas. O uso de uma ou várias cores no ambiente pode alterar a comunicação, as atitudes e a aparência das pessoas presentes; a cor pode acalmar, reduzir o estresse e a violência ou aumentar a vitalidade e a energia. Pesquisas demonstram que quando uma pessoa vê uma cor da qual gosta, todo seu sistema orgânico fica relaxado. Ela muda o seu modo de ver as coisas e torna-se mais otimista – vendo a vida de modo diferente. Este curso visa auxiliar na escolha das cores, suas combinações e aplicações nos ambientes, com objetivo de buscar melhor qualidade de vida, não pretendendo ditar regras e muito menos limitar o uso das mesmas.


O que é a cor?

Cor é a sensação provocada pela ação da luz sobre a visão. Existem dois tipos de estímulos que causam as sensações cromáticas: cor-luz e cor-pigmento.


Cor-Luz.

Cor-Luz é traduzida pela luz solar, que reúne todos os matizes existentes na natureza. As três cores primárias são o Verde, o Violeta e o Vermelho, que ao se unirem resulta na luz branca.


Cor-pigmento.

A Cor-pigmento é a substância material que absorve, refrata e reflete os raios luminosos. As três cores primárias são o azul cyan, o amarelo e o magenta. A união desta três cores resulta no cinza-neutro.


Você sabe como evitar bolhas nas paredes?

As bolhas são causadas por falta de aderência do produto aplicado devido à presença de pó (tinta antiga pulverulenta) sobre a superfície ou ainda por infiltrações de umidade no substrato, causadas por falhas nas impermeabilizações, trincas e vazamentos em tubulações, por exemplo.

A ocorrência de chuvas antes da pintura, principalmente em superfícies novas, pode ocasionar retenção de umidade nestas superfícies, a qual pode levar dias para secar. Da mesma maneira chuvas ocorridas antes da secagem completa da tinta/massa podem provocar bolhas, manchas e outros problemas, pois os produtos ainda não adquiriram sua resistência total.

A aplicação de produtos indicados exclusivamente para áreas internas com a Massa Corrida também causa bolhas e desplacamento quando aplicada em áreas externas.

Quando a causa das bolhas é devido a presença de umidade no substrato essa umidade deve ser totalmente eliminada antes de qualquer procedimento de repintura desses locais.

A correção dos locais com bolhas dever ser realizada da seguinte maneira:

• Remover todas as bolhas, partes soltas e mal aderidas com uso de espátula, escova de aço e lixa. Esta remoção também pode ser realizada através do hidrojateamento da superfície com hidrojateadora.

• Aplicar na superfície uma demão de Suvinil Fundo Preparador para Paredes base água. Esse produto penetra na superfície e agrega as partículas tornando a superfície coesa para seqüência da pintura.

• Nivelar a superfície com Suvinil Massa Acrílica (áreas externas ou molháveis) ou Suvinil Massa Corrida (áreas internas e secas) e repintar a superfície com o produto desejado.


Manchas escuras provenientes de mofo.

MANCHAS ESCURAS PROVENIENTES DE MOFO.

São manchas que aparecem sobre a superfície, causadas pela presença de microorganismos (fungos, algas, etc) que se proliferam em condições favoráveis, como em ambientes úmidos, mal ventilados ou mal iluminados. Para corrigir, recomenda-se:

• Lavar toda a área afetada com escova de nylon ou pano e uma solução de água e hipoclorito de sódio (cloro) na proporção de 1:1, esta solução pode ser substituída por água sanitária;

• Deixar a solução agir por aproximadamente 15 minutos;

• Lavar com água a fim de eliminar vestígios de cloro;

• Deixar secar e repintar.

MANCHAS E RETARDAMENTO NA SECAGEM DA MADEIRA

Podem ocorrer quando a repintura foi feita sobre madeira com resíduos de soda cáustica, que foi utilizada na remoção da pintura anterior.

Para prevenir este problema, antes de repintar, deve-se eliminar por completo qualquer resíduo de soda cáustica (ou similar), lavando a superfície com bastante água. Aguarde a secagem e repinte.

Se o problema já existir, remova a pintura e siga as mesmas instruções acima.

Essas manchas também podem ser causadas em pinturas de madeira novas pela migração de ácidos orgânicos ou resinas naturais.


Gesso-Drywall . ( gesso acartonado,corrido e placas pré-moldadas)

DRYWALL (gesso acartonado, gesso corrido e placas pré-moldadas)

Qual(is) o(s) tipo(s) de tinta ideal(is) para esta superfície? Por quê?

Para superfícies novas de Gesso (corrido e em placas): O gesso é um material com característica pulverulenta (solta uma fina camada de pó) por isso é importante melhorarmos sua coesão superficial para a boa aderência da tinta por meio da aplicação de uma tinta específica para gesso. A Suvinil Tinta para Gesso penetra e adere ao gesso melhorando sua coesão. Pode ser utilizada apenas como fundo ou finalizar o acabamento com a própria tinta para gesso. Para as placas de Gesso acartonado, este mesmo fundo pode ser utilizado, logo após o fechamento das juntas de emenda das placas.
Aplicar como fundo a Suvinil Tinta para Gesso diluída com 50% de água limpa, aguardar secagem por 04 horas; Após aplicação da Tinta para Gesso como fundo aplicar, conforme acabamento desejado, os produtos descritos na questão "6.2".

Qual a característica desta(s) tinta(s)?
A Suvinil Tinta para Gesso penetra e adere ao gesso melhorando sua coesão. Pode ser utilizada apenas como fundo ou finalizar o acabamento com a própria tinta para gesso.


Impermeabilização (Saiba tudo)

As infiltrações de água são as causas mais frequentes da deterioração das pinturas, causando, na maioria das vezes, descascamentos, desplacamentos, bolhas e outros inconvenientes (vide seção Corrigindo Problemas). Antes de iniciar qualquer pintura, elimine completamente todos os focos de umidade.

VEJA ABAIXO DICAS DE PONTOS CRÍTICOS QUE DEVEM SER OBSERVADOS:

• Áreas próximas do rodapé: normalmente a 30 ou 40 cm de distância do solo, devido a uma infiltração de água pelos alicerces (baldrames). Isto ocorre por falta de impermeabilização, por sua má execução ou seu desgaste natural. Falhas nos rejuntamentos dos pisos e rodapés também podem causar o mesmo problema.

• Muros: por falta de proteção no topo, onde ocorre grande penetração de água das chuvas ou pintura de apenas um lado deste muro, deixando o outro exposto à penetração de água. Observa-se também em muros de arrimo, devido à falta ou falha de impermeabilização na face em contato direto com a terra.

• Tetos em geral: quando a moradia não possui telhado, deixando a laje exposta ao tempo sem impermeabilização ou devido ao seu desgaste. Pode-se notar também o problema devido ao entupimento de calhas, causando transbordamento de água das chuvas, encharcando a laje.

• Telhados e tubulações: infiltrações e vazamentos de água em pontos isolados.

• Jardineiras: quando a impermeabilização interna inexiste, não foi devidamente executada com produtos adequados ou encontra-se desgastada.

• Áreas de banheiros e cozinhas: rejuntes de azulejos, pisos e rodapés, consequência do desgaste da argamassa do rejunte, devido ao contato direto com água e ou umidade.

• Esquadrias de janelas e portas: onde não existe calafetação ou houve seu desgaste. Caso necessário, recomendamos contatar uma empresa especializada em impermeabilizações para que seja feito um diagnóstico preciso, bem como a adequada correção.


Pintura de Metal - Como proceder?

ELIMINAR
Qualquer espécie de brilho, usando lixa de grana 150 a 220.

PARTES SOLTAS OU MAL-ADERIDAS
Devem ser eliminadas raspando ou escovando a superfície.

MANCHAS
Gordura ou graxa devem ser eliminadas com solução de água e detergente. Em seguida, enxaguar e aguardar a secagem.

PARTES MOFADAS
Devem ser eliminadas, limpando a superfície com água sanitária. Em seguida, passar um pano úmido e aguardar a secagem.

FERRO NOVO SEM INDÍCIO DE FERRUGEM
Lixar com grana 150 a 220 e eliminar o pó. Aplicar uma demão de Suvinil Zarcão Universal. Aguardar secagem e lixar com grana 360/400 e eliminar o pó.

FERRO COM FERRUGEM
Remover totalmente a ferrugem utilizando lixa com grana 80 a 150 e/ou escova de aço. Aplicar uma demão de Suvinil Zarcão Universal. Após a secagem, lixar com grana 360/400 e eliminar o pó.

FERRO REPINTURA
Lixar com grana 360/400 a superfície e eliminar o pó. Tratar os pontos com ferrugem conforme descrito acima.

PARA PINTURAS NOVAS
• Aluminio: aplicar Fundo Fosfatizante Glasurit, conforme indicações na sua embalagem.
• Galvanizados: aplicar Suvinil Fundo para Galvanizado, conforme indicaçes na sua embalagem.

PARA REPINTURA (SEM DESCASCAMENTO)
• Aluminio e Galvanizado: lixar com grana 360/400 e eliminar o pó.

PARA REPINTURA (COM DESCASCAMENTO)
• Aluminio: eliminar totalmente a pintura anterior, aplicar Fundo Fosfatizante Glasurit, conforme indicaçes na sua embalagem.
• Galvanizado: eliminar totalmente a pintura anterior, aplicar Suvinil Fundo para Galvanizado, conforme indicações na sua embalagem.